Alstom conclui, na unidade Lapa, o primeiro trem para o metrô de Chennai, na Índia

02/05/2013

A unidade da Alstom Transporte na Lapa (São Paulo) concluiu a fabricação da primeira composição para o metrô de Chennai (Índia), atingindo assim um marco importante no contrato de € 243 milhões assinado pela empresa em 2010 para fornecer 42 composições para a Chennai Metro Rail Limited*.

Os trens Metropolis de aço inoxidável de 4 carros contam com portas deslizantes automáticas operadas eletricamente, amplo corredor, ar condicionado, espaço dedicado para passageiros com mobilidade reduzida, mapa de rota em inglês e tâmil (língua local), display LED e anúncio aos passageiros, além de compartimentos de bagagem. Eles serão equipados com um sistema de freio regenerativo, que garante economias importantes de energia.

Os primeiros 9 trens estão sendo fabricados na unidade Lapa da Alstom Transporte, enquanto os outros 33 trens começaram a ser produzidos na Índia, na recém-construída unidade de Sri City, primeira fábrica de material rodante da Alstom na Índia. Para dar continuidade à produção dos trens em Sri City, uma considerável transferência de tecnologia foi realizada entre as unidades brasileira e indiana. 65 funcionários indianos foram acompanhados e treinados no Brasil para que adquirissem o conhecimento e a experiência necessários para atender às exigências definidas pelo cliente. Processos de fabricação e melhores práticas foram compartilhados, criando uma importante troca de conhecimentos entre os dois países do BRIC.

O trem em breve chegará à Índia. A chegada no porto de Chennai está programada para o início de junho. Em Chennai, os quatro carros serão montados e começarão a passar por um período de testes de 4 meses.

O projeto do metrô de Chennai teve início em 2007. A fase 1 consiste em duas linhas interconectadas, ligando o Norte de Chennai ao Aeroporto, no Sul, e Chennai Central a St. Thomas Mount. Ele incluirá 32 estações -19 equipadas com portas de plataforma de tamanho integral – mais de 45 km (24 km subterrâneos e 21 km elevados). As linhas foram planejadas com uma capacidade para transportar mais de 500.000 pessoas por dia e um intervalo entre trens de apenas 3 minutos. O projeto todo deverá ser concluído até 2014/2015.

A Alstom já vendeu mais de 4.000 Metropolis no mundo todo, equipando cidades como Amsterdam, Barcelona, Buenos Aires, Istambul, Nanking, Santiago, Santo Domingo, São Paulo, Xangai e Cingapura, entre outras. Um em cada quatro metrôs em operação no mundo é da Alstom. Os metrôs Metropolis da Alstom já percorreram mais de 400 milhões de quilômetros.

* A Chennai Metro Rail Limited é uma Joint Venture do Governo da Índia e do Governo do Estado de Tamil Nadu criada para implementar o Projeto Ferroviário do Metrô de Chennai..