Alstom fornecerá duas turbinas a gás e serviços associados no Chile

09/04/2014

Contratos de mais de 100 milhões de Euros

A Alstom ganhou contratos de valor superior a 100 milhões de Euros, para o fornecimento de duas turbinas a gás GT13E2 e serviços de Longo Prazo para a central de ciclo combinado Kelar, localizada em Mejillones, ao norte do Chile. O projeto vai ser implementado pela Samsung Engineering em um contrato EPC (Engenharia, aquisições e construção). Se espera que as unidades sejam colocadas em funcionamento no final de 2016.

A planta Kelar terá capacidade de 517 MW e abastecerá as necessidades de energia exigidas na extração da “Minera Escondida” e suas atividades, perteneciente a BHP Billiton. As turbinas à gás estarão equipadas com o último desenvolvimento de Environmental Burner Avançado Alstom (AEV), que emprega um novo conceito com base nas operações mais flexíveis e confiáveis ​​de combustível contínua variação.  O gravador também inclui a operação de baixa carga de controle de emissões, o que permite que os operadores reajam rapidamente às mudanças na demanda e reduzir os custos de manutenção, diminuindo a freqüência de desligamentos. A última planta inteiramente novo projeto de ciclo combinado no Chile foi a Tocopilla, 2000, que foi totalmente construída e fornecidos pela Alstom.

"Estamos orgulhosos de ver que o mercado mais uma vez reconhe nossas turbinas a gás como o mais adequado para as condições do Chile e suas necessidades operacionais. A indústria de mineração precisa de um fornecimento confiável, competitivo e limpo, que permite que eles sejam executados 24 horas por dia, 7 dias por semana , apoiando seus projetos de expansão", disse Steve Meszaros, vice-presidente sênior de Negócios de Gás Alstom. 

Com esse projeto, a Alstom reforça sua contribuição para atender as necessidades de energia do Chile, que exigem flexibilidade operacional e de energia limpa. A Alstom também tem o desafio de cumprir com as normas de emissão mais rigorosas que são uma prioridade na agenda de todos os proprietários de usinas no país.