Pedidos e Vendas da Alstom no primeiro trimestre 2017/18

13/07/2017
  • Entrada de pedidos de €1,9 bilhão
  • Vendas de €1,9 bilhão com crescimento orgânico de 5%
  • Objetivos 2020 confirmados

No primeiro trimestre de 2017/18 (de 1º de abril a 30 de junho de 2017), a Alstom registrou €1,9 bilhão em pedidos, comparado a €0,9 bilhão no mesmo período do ano passado.As vendas, de €1,9 bilhão, tiveram uma alta orgânica de 5% no primeiro trimestre de 2017/18.

Com €34 bilhões em 30 de junho de 2017, o backlog fornece uma sólida visibilidade sobre vendas futuras.

Key figures Q1 2017/18

« Durante este primeiro trimestre, o momentum comercial foi bom, com vários contratos importantes em todas as regiões, especialmente América do Norte. Enquanto isso, o Grupo continua inovando e revelou várias tecnologias revolucionárias para mobilidade inteligente. A Alstom confirma seus objetivos 2020. » afirmou Henri Poupart-Lafarge, Chairman e Chief Executive Officer da Alstom.

Revisão Detalhada

Durante o primeiro trimestre de 2017/18, a Alstom registrou €1.909 milhão em pedidos, incluindo dois contratos no Canadá para quase 100 veículos leves sobre trilhos, o primeiro contrato de sistema de metrô no Vietnã, contratos para trens regionais no Senegal e na Alemanha, um projeto de modernização de frota nos EUA, além de parte de um contrato de sistema de metrô para Manila, nas Filipinas.

 

As vendas, em €1.856 milhão, tiveram alta de 6% (5% organicamente) no primeiro trimestre de 2017/18 comparado ao mesmo período do ano passado. As vendas foram impulsionadas principalmente por entregas de trens regionais na França e na Suécia, trens de alta velocidade na França e na Itália, o progresso do sistema de metrô de Riad na Arábia Saudita, o projeto PRASA na África do Sul, um contrato de manutenção no Reino Unido e o início da extensão do sistema de metrô de Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

Principais eventos

Em abril de 2017, a Alstom lançou várias tecnologias de mobilidade inteligente para abordar as necessidades em rápida evolução tanto de operadoras quanto de passageiros, como o Mastria, a primeira solução de supervisão multimodal. Alstom e Airbus também assinaram um acordo de cooperação estratégica na área de cibersegurança.

Em junho de 2017, a Alstom obteve a certificação ISO 37001 por seu sistema de gestão antissuborno, confirmando seu compromisso de combater a corrupção.

Objetivos para 2020 confirmados

Até 2020, as vendas devem crescer organicamente 5% ao ano.
A margem EBIT ajustada deve atingir cerca de 7% até 2020, impulsionada por volume, por um mix de portfólio e resultados de ações de excelência operacional.
Até 2020, a Alstom espera cerca de 100% de conversão do lucro líquido em fluxo de caixa livre.


Este comunicado à imprensa contém declarações prospectivas baseadas nos planos e previsões atuais da direção da Alstom. Tais declarações prospectivas são relevantes ao escopo atual de atividade e estão, por natureza, sujeitas a vários fatores de risco e incertezas importantes (como aqueles descritos nos documentos feitos pela Alstom com a francesa AMF), que podem fazer com que os resultados reais sejam diferentes dos planos, objetivos e expectativas expressos em tais declarações prospectivas. Tais declarações prospectivas tratam apenas a partir da data em que foram feitas, e sobre a Alstom não recai nenhuma obrigação de atualizar ou revisar nenhuma delas, seja em consequência de novas informações, eventos futuros ou qualquer outro motivo.


Versão completa do Press release (com apêndice) no pdf abaixo.

The half-year financial report, as approved by the Board of Directors, in its meeting held on 8 November 2016, can be found on Alstom’s website at www.alstom.com. The accounts have been audited and certified. 

Contatos

Prensa

Justine Rohée
Tel. + 33 1 57 06 18 81
justine.rohee@alstom.com 

Christopher English
Tel. + 33 1 57 06 36 90
christopher.a.english@alstom.com

Relações com investidores

Selma Bekhechi
Tel. + 33 1 57 06 95 39
selma.bekhechi@alstom.com

Julien Minot
Tel. + 33 1 57 06 64 84
julien.minot@alstom.com